O processo

0
380
Visualizações

“Este programa se tornou uma parte de mim…
Eu compreendo mais claramente as coisas que estão acontecendo hoje em minha vida. Não luto mais contra o processo.”


 Na adicção ativa, as coisas aconteciam aparentemente sem pé nem cabeça. Nós simplesmente “fazíamos as coisas”, frequentemente sem saber nem as razões nem os resultados. A vida tinha pouco valor ou significado.

O processo dos Doze Passos dá sentido às nossas vidas; ao trabalhar os passos dá sentido ás nossas vidas; ao trabalhar os passos, viemos a aceitar os lados escuros e claros de nós mesmos. Despimos-nos da negação que nos impediu de compreender o efeito da adicção em nós.

Honestamente examinamos a nós mesmos, selecionando os padrões em nossos pensamentos, nossos sentimentos e nosso comportamento. Adquirimos humildades e perspectiva pela completa revelação de nós mesmo para outro ser humano. Na busca de que nossas falhas sejam removidas, desenvolvemos uma avaliação adequada de nossa impotência ea força concedida por um Poder maior do que nós mesmos. Com o crescimento do entendimento de nós mesmos, adquirimos maior compreensão interior e aceitação dos outros.

As Doze Passos são a chave de um processo que chamamos “vida”. Ao trabalhar os passos eles se tornam uma parte de nós – e nos tornamos uma parte da vida a nosso redor. Nosso mundo não é mais sem sentido; hoje compreendemos mais o processo. Hoje, ao trabalhar os passos, vivemos o processo.

Só por hoje: A vida é um processo; as Doze Passos são a chave. Hoje, eu usarei os passos para participar desse processo, compreendendo e apreciando a mim mesmo e a minha recuperação.

 

Grupo Liberdade
Rua Castro Carvalho, 33 – Centro (Casa Paroquial)
Reuniões: 2ª, 4ª  e 6ª a partir das 20h.
0800 888 6262
Linha de Ajuda (14) 99719 1135
www.na.org.br

Artigo anteriorO que A.A. não faz?
Próximo artigoAtitude do Bem!
COMPARTILHAR